Primeiro treino do Boavista com centenas de adeptos nas bancadas

O Boavista regressou esta segunda-feira aos trabalhos, com uma sessão de treino da parte da tarde, no Estádio do Bessa. Sanchez, em conferência com os jornalistas no final do apronto, confessou querer “mais um bocadinho” esta época, em comparação com a anterior, tendo a equipa axadrezada lutado pela permanência na I Liga.

A equipa do Bessa iniciou esta segunda-feira os trabalhos com vista a mais uma época desportiva. Sob o olhar atento de Erwin Sanchez, participaram 29 jogadores neste primeiro treino da época 2016/17. Hackman e Bukia não compareceram, são esperados durante os próximos dias.

Foram algumas centenas de adeptos bastante entusiasmados que receberam o plantel que ouviu cânticos de apoio a todo o grupo de trabalho.

“É sempre bom ter o carinho deles, principalmente para os novos jogadores e para nós também. Vamos iniciar esta nova época com uma ilusão muito grande, esperando que os resultados sejam o que o clube merece”, avançou Sanchez aos jornalistas.

Apesar dos 29 jogadores que o plantel possui, o técnico boliviano pretende mais dois jogadores, pelo menos. “Temos três centrais para já, dois com perfil direito e um com perfil esquerdo e andamos à procura de um central com perfil esquerdo, que jogue mais por esse lado e um médio”, concluiu.

O objetivo é ter 26 a 27 jogadores que constituam um forte plantel e ter uma “época tranquila, estabilizar o clube” e também para que o Boavista possa vender e “que não seja só um comprador”.

Lembrar que da época passada sairam cinco jogadores da equipa base: Paulo Vinícius, Afonso Figueiredo, Aymen Tahar, estava emprestado, Ruben Ribeiro e Zé Manuel.

Mas apesar destas saida, Erwin Sanchez está otimista. “O bom disto é que temos tempo para nos prepararmos”, até porque “alguns que já cá estavam no ano passado são uma boa alternativa, mas queremos sempre mais e melhor”.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments