“Partimos como outsiders, não temos dinheiro”

salgueiros de alma e coração_600

Salgueiros 08 – Treinador Paulo Gomes encara com cautela a fase de subida

A fase de subida do campeonato nacional de seniores arranca no próximo dia 15 de fevereiro, quase um mês depois do fecho da primeira fase do campeonato. O Salgueiros terminou na liderança da série C e vai disputar a subida à 2.ª Liga. Com ambição, muita ilusão, mas os favoritos, segundo o jovem técnico Paulo Gomes, em declarações em exclusivo ao GLOBAL NEWS, são os outros: “Há outras equipas com maiores argumentos financeiros. Famalicão, Varzim e Mirandela, curiosamente, as três equipas que vamos disputar nas últimas três jornadas. Foi um sorteio interessante, mas, sinceramente, partimos como outsiders”. 

O Estádio do Padroense continuará a ser o palco de jogo na condição de visitados. “Seremos sempre uma equipa difícil de defrontar e um osso duro de roer para quem nos visitar. Mostrámos isso na primeira fase, até porque temos uma massa associativa que nos apoia incondicionalmente”, salienta o treinador, de 38 anos, que está a dar os primeiros passos na carreira, depois de ter trabalhado nos escalões de formação do clube de Paranhos e ter orientado o SC Rio Tinto.

O treinador lamenta a extensa paragem competitiva: “É prejudicial. Para o clube, que depois tem de pagar mais um mês de ordenado aos atletas. A época só acaba em junho para quem disputar o play-off de subida. E também mau para os jogadores, porque se perde dinâmica. Parece que estamos a fazer uma segunda pré-época…”.

O plantel que irá atacar a fase decisiva da época não irá sofrer alterações: “Volto a dizer que não temos dinheiro. O Mirandela reforçou-se, o Fafe contratou dois jogadores, o Varzim foi buscar o Pedro Santos que estava no Académico de Viseu, o Famalicão conseguiu o Chidi, que até já jogou na 1.ª divisão pelo Rio Ave, mas nós vamos à luta com as armas que temos. Metade dos orçamentos dessas equipas dava para pagar o orçamento do Salgueiros”.

Onyeka em alta
O nigeriano Onyeka, de apenas 19 anos, ex-júnior do Leixões, destacou-se na reta final do campeonato, com cinco golos nos últimos quatro jogos. Paulo Gomes diz que há mais talentos no plantel, para além do jovem africano: “Tenho a sorte de ter um grande grupo-de-trabalho, ambicioso e com elementos com margem de progressão. O Onyeka é um dos casos, mas não é o único jogador com um futuro enorme. Tenho também o Mário Pereira, João Miguel, Digas, Igor Lopes… são jovens que têm todas as condições para dar o salto. E temos outros como o Fabinho e, inclusive, jogadores que já estiveram no futebol profissional como o Steven. O Moreira, lateral esquerdo, também tem feito uma época absolutamente fabulosa. É um orgulho trabalhar com estes rapazes”. 

A fase de subida do campeonato nacional de seniores divide-se em duas zonas (norte e sul), cada uma com oito equipas. O primeiro classificado, de cada série, sobe diretamente à 2.ª Liga. A última vaga irá ser ocupada pelo vencedor do play-off, que será disputado, a duas mãos, entre os segundos classificados de cada zona.

Jogos do Salgueiros (fase de subida – primeira volta)

Cesarense-Salgueiros, dia 15 fevereiro
Salgueiros-Lusitano, dia 22 fevereiro
Salgueiros-Fafe, 1 de março
Sousense-Salgueiros, 8 de março
Salgueiros-Mirandela, 15 de março
Varzim-Salgueiros, 22 de março
Salgueiros-Famalicão, 29 de março

 

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments