Photo credit: AiresAlmeida via Foter.com / CC BY

Mário Soares morreu hoje, aos 92 anos. A notícia foi confirmada pelo Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa, onde o antigo primeiro-ministro e antigo Presidente da República esteve internado desde o dia 13 de dezembro.

Afastado da vida pública, a última vez que foi visto em público foi a 28 de setembro, numa homenagem que o presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, fez à sua mulher, Maria Barroso que morreu a 7 de julho de 2015, também no mesmo hospital.

Advogado e professor, Mário Soares foi um dos 27 que fundou o Partido Socialista em abril de 1973, na cidade alemã de Bad Münstereifel. Opôs-se desde cedo à ditadura do Estado Novo. Foi preso 12 vezes e foi deportado para São Tomé, em 1968, passando depois ao exílio em França. Três dias depois ao 25 de abril regressa a Lisboa.

Foi Primeiro-Ministro nas eleições de 1976, liderando o I Governo Constitucional e o II. Volta a chefiar o Governo entre 1983 e 1985. Foi Presidente da República entre 1986 e 1996.

Em 12 de junho de 1985, Mário Soares, na altura Primeiro-Ministro, assina o Tratado de Adesão à então Comunidade Económica Europeia (CEE).

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments