INE: População portuguesa cresceu 2 por cento numa década

A população portuguesa aumentou dois por cento, entre 2001 e 2011. Mas também é mais idosa que há dez anos atrás. Estas são algumas conclusões do Censos 2011, hoje divulgados em conferência de imprensa pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), em Lisboa.

Em março de 2011, eramos 10.562.178 pessoas, ou seja, dois por cento a mais que em 2001. Isto significa um aumento na ordem das 260 mil pessoas, afirmou Anabela Delgado, coordenadora dos Censos do INE. “O crescimento da população desta década foi alcançado pelo saldo migratório”, sublinhou aquela responsável.

A população cresceu mais na Região do Algarve, cerca de 14 por cento, depois na Região Autónoma da Madeira, com 9 por cento, seguida da Região de Lisboa com 6 e dos Açores com 2 pontos percentuais.

De salientar que mais de 80 por cento da população residente estava concentrada em apenas três regiões do país: a Norte (34,9%), Lisboa (26,7%) e no Centro (22%). Apesar de sermos mais, “agravou-se o envelhecimento da população”, afirma Anabela Delgado, confirmando que Portugal recuou na percentagens de jovens na população “16 para 15 por cento”. Mas houve um aumento da percentagem de idosos na população, de 16 para 19 por cento. Portugal tem 128 idosos por cada 100 jovens.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments