Guilherme Pinto concretiza divórcio com o Partido Socialista

Guilherme Pinto – Foto: rtppt / Foter.com / CC BY-NC-ND

O atual autarca da Câmara de Matosinhos já não é militante do partido socialista. Guilherme Pinto enviou ontem uma missiva ao secretário-geral do PS a solicitar a desfiliação do partido. Para o edil da Câmara de Matosinhos este é um “passo decisivo” para se poder recandidatar ao lugar que ocupa, mas agora como independente.

Assim, Guilherme Pinto já não é militante do partido socialista. Em declarações à TVI, diz-se “magoado”. “Fiz sondagens, percebi o sentimento dos matosinhenses e entendo que o projeto de desenvolvimento que tenho para Matosinhos não pode ser posto em causa. A arrogância e a incompetência não se podem esconder atrás de um símbolo do partido”, afirma.

Guilherme Pinto ainda não confirma se será candidato, agora como independente, a novo mandato mas assegura que “estão reunidas as circunstâncias de audição do povo e as circunstâncias da escolha do partido”.

António Parada, atual presidente da Junta de Freguesia de Matosinhos é o candidato do partido à autarquia, escolhido pelo PS/Matosinhos. Candidatura essa que será apresentada oficialmente hoje em Matosinhos.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments