A edição de 2017 do Fujifilm FIF Viseu – Festival Internacional de Fotografia www.fujifilmfifviseu.com, coloca a concurso uma residência subordinada ao tema “Inspiring Positive Change”, aberta a todos os fotógrafos, independentemente da sua nacionalidade. Esta residência terá a duração de um mês e acontecerá entre Abril e Maio de 2017, em Viseu. O desafio é olhar para as freguesias limítrofes de Viseu, promovendo um entendimento mais amplo dos seus contornos sociais e económicos, valorizando as suas especificidades, aproximando as comunidades e envolvendo-as na obra fotográfica. A Residência “Inspiring Positive Change” pretende fomentar a criação artística contemporânea e o desenvolvimento de uma linguagem criativa distintiva no domínio da fotografia.

Desta residência resultará uma série fotográfica que será exposta durante a edição de 2017 do Fujifilm FIF Viseu – Festival Internacional de Fotografia. A totalidade do trabalho será editado em livro em 2018, com lançamento programado para a 2ª edição do Fujifilm FIF Viseu a decorrer nesse ano. Ao fotógrafo(a) selecionado será ainda requerida a realização de um workshop dirigido a estudantes de fotografia/artes/multimédia e a apresentação do trabalho realizado no âmbito desta residência numa conversa com convidados a acontecer na edição deste ano do Fujifilm FIF Viseu.

O Fujifilm FIF Viseu – Festival Internacional de Fotografia assegura todas as despesas de deslocação e estadia, seja o vencedor português ou estrageiro e a Fujifilm https://www.fujifilm.eu/pt, naming sponsor do festival, oferecerá ao fotógrafo(a) selecionado a novíssima Fujifilm X100F http://fujifilm-x.com/cameras/x100f/. As indicações acerca de como concorrer poderão ser encontradas emhttp://fujifilmfifviseu.com/pt/residencia-artistica/   

Esta é uma excelente oportunidade para a concretização de um novo projeto, num espaço propício à criação artística. No coração de Portugal, Viseu tem-se assumido como um forte destino turístico e cultural. Considerada diversas vezes como a melhor cidade para viver, Viseu pretende agora ser a melhor cidade para visitar, tendo para esse efeito lançado a campanha “2017, Ano Oficial para Visitar Viseu”. Para além da ligação indelével à história de Portugal patente no património edificado e imaterial da cidade, não faltam em Viseu eventos de âmbito nacional e internacional, que marcam a agenda cultural e criativa ao longo de todo o ano, dos quais se destacam o Jardins Efémeros http://jardinsefemeros.pt/, Festival de Música da Primavera http://musicadaprimavera.pt/, Festival de Jazz http://festivaldejazzdeviseu.pt/, Outono Quente http://zunzum-ac.pt/outono-quente-2016/ , a Festa das Vindimashttp://festa.vindimasviseu.pt/ ou Festival Literário Tinto no Branco http://www.tintonobranco.pt/.

A residência é apenas um dos eventos do programa do Fujifilm FIF Viseu – Festival Internacional de Fotografia de Viseu, coorganizado pela Chappa www.chappa.pt e pela Câmara Municipal de Viseu www.cm-viseu.pt e que em Maio deste ano promete apresentar 12 exposições, cinco workshops, seis palestras, duas instalações, uma master class, seis comissões, uma residência internacional, um concerto ao vivo, um ciclo de cinema documental e uma maratona fotográfica, eventos a acontecer por toda a cidade de Viseu.

“Inspiring Positive Change” é o tema da edição de 2017, focada na atitude necessária para inspirar mudanças positivas; o trabalho de todos os fotógrafos convidados e selecionados para a edição deste ano obriga a refletir sobre a mudança necessária para que descriminação, preconceito, pobreza, desigualdade e mudanças climáticas se transformem em temas do passado.

O Fujifilm FIF Viseu aposta fortemente na criação, para além de comissões internacionais, Viseu enquanto cidade organizadora terá um papel central em alguns dos trabalhos comissionados para o Festival: a terceira idade, os jovens e as pessoas com necessidades especiais, bem como o ambiente, serão alvo da objetiva de diversos fotógrafos.

A Fujifilm, no âmbito da programação do festival, trará a Viseu alguns dos mais conceituados X-Photographers numa missão que os levará a conhecer e retratar algumas das individualidades da cidade e do distrito.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments