Entre os dias 27 de Novembro e 3 de Dezembro, o cinema do real está de regresso à cidade do Porto com mais uma edição do  Porto/Post/Doc: Film & Media Festival. Como ponto de encontro para criadores, público e profissionais do cinema, o Porto/Post/Doc tem como principal objetivo promover a cultura cinematográfica, exibindo as novas formas do cinema contemporâneo.
Este ano o festival abre com a antestreia nacional do novo filme de Sofia Coppola, The Beguiled, no âmbito da nova secção do Porto/Post/Doc – Highlight. O filme terá na noite de 27 de Novembro a sua única exibição no circuito comercial nacional, entrando diretamente para o mercado de DVD.
Tema de 2017
Arquivo e Memória
Partindo da ideia de que o próprio cinema é uma espécie de arquivo da memória humana, o Porto/Post/Doc 2017 vai ter como tema central o Arquivo e a Memória. Para isso, o Festival privilegiará filmes que usam imagens de arquivo, mas também serão exibidos filmes antigos ​​que permitem que a nossa memória reencontre outros mundos e outras emoções. Serão dedicados focos a Jean Rouch, o mítico autor francês, de quem celebramos o 100.º aniversário do nascimento e cujos filmes foram recentemente restaurados; e à Pós-Memória, com um conjunto de filmes que utilizam imagens de arquivo para reinterpretar a História (este foco, que inclui um programa de cinema e o Fórum do Real, é feito em parceria com o Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra).
Em 2017, o Porto/Post/Doc volta a centrar-se numa programação que promova a construção de uma comunidade de pessoas à volta de um acontecimento culturalde projeção internacional. O objetivo primordial é, assim, o de promover a partilha de experiências, fazendo-o através dos cinemas do real, entre o documentário e a ficção. Esta proposta abre-se para uma programação que se desenvolve para diferentes públicos, como são exemplo o nosso Projeto Educativo School Trip (com sessões especiais para escolas) e o Doc is the New Black (sessões em que a cultura da moda é a protagonista).

O Porto/Post/Doc 2017 vai contar com mais de 70 sessões de cinema e serão apresentados cerca de 100 filmes, 5 concertos, 7 festas, 4 aulas decinema, 15 sessões para escolas. Dos filmes a apresentar, 50 são portugueses, dos quais cerca de metade foram realizados em projetos de escola. Argentina, França, Paraguai, Alemanha, Qatar, Guiné-Bissau, E.U.A., República Checa, Espanha, Líbano, Síria, E.A.U., Bélgica, Holanda, Eslovénia, Itália, Croácia, Noruega, Reino Unido, Suíça, Chile, Turquia, Brasil, Dinamarca, Suécia e China são alguns dos países representados na programação de cinema e convidados do Festival.

 

O Porto/Post/Doc vai voltar a contar com a presença de cerca de 200 convidados nacionais e internacionais, entre realizadores, produtores, diretores deoutros festivais, jornalistas e entidades parceiras.

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments